Relatório Diário dos Mercados Financeiros 02-06-2014

Publicado em 02/06/2014

Imagem do Artigo Relatório Diário dos Mercados Financeiros 02-06-2014

MERCADOS: os principais índices de ações dos Estados Unidos finalizaram a sessão com resultados mistos, depois de terem sido divulgados dados de consumo e gasto piores que o esperado. O Índice S&P 500 subiu 0,20%, chegando aos 1.923 pontos; o Dow Jones avançou 0,10%, alcançando os 16.717 pontos, ambos fechando em seus máximos históricos. O Nasdaq recuou 0,10%, atingindo os 4.242 pontos.

ECONOMIA: hoje, o Departamento de Comércio dos Estados Unidos publicou um relatório que mostra que o gasto do consumidor, que representa cerca de 70% da economia, caiu 0,1% em abril depois de um avanço revisado de 1% no mês anterior. Isso surpreendeu os economistas pesquisados pela Bloomberg, que estimavam um aumento de 0,2% em abril. Outro relatório publicado hoje assinalou que o índice Thomson Reuters de confiança do consumidor da Universidade de Michigan caiu para 81,9, em maio, de 84,1 em abril. Os analistas esperavam uma queda para os 82,5 pontos. Também, foi divulgado o dado do Índice PMI de Chicago, que subiu para 65,6 em maio de 63 no mês anterior. Os analistas esperavam uma queda para os 61 pontos. Leituras por cima de 50 indicam expansão.

GOVERNO: os acordos com o Banco Mundial, a Repsol e, agora, o Clube de Paris por 9,7 bilhões de dólares deixaram a Argentina próxima do regresso para os mercados internacionais, treze anos depois do default de sua dívida. Apesar disso, resta ainda acordar com o grupo liderado pelo bilionário Paul Singer (os denominados “fundos abutre” pela Presidente argentina Cristina Fernandez).

PARA ONDE OLHAR?: para a segunda-feira, espera-se a publicação do índice de gerentes de compras e do Índice ISM, ambos do setor manufatureiro nos Estados Unidos. Também serão divulgados dados do setor manufatureiro na União Europeia e Reino Unido, com a publicação de seus respectivos índices de gerentes de compras.


Deixe seu comentário